Covid-19: MCA Group entregou 1.500 zaragatoas ao Instituto Nacional de Saúde de Angola

O MCA Group continua a dar o seu contributo solidário na luta contra a pandemia do coronavírus. Depois do equipamento médico fornecido ao Hospital de S. João, no Porto, esta quinta-feira, dia 16 de abril, foi feita uma entrega de 1.500 zaragatoas ao Instituto Nacional de Saúde de Angola, para testes à COVID-19, também no âmbito da primeira fase do projeto “CIM Responde COVID by MCA Group”.
O MCA Group foi recebido, em representação da Diretora Geral da Saúde, Drª Helga Reis Freitas, e da Diretora do Instituto Nacional de Saúde Pública de Angola, Drª Joana Morais, pelo Diretor Adjunto, Dr. Zinga, e pela Diretora Técnica, Dra. Zoraima, que também esteve presente na cerimónia.
Do lado do MCA Group, os intervenientes foram o Diretor de R&S do Grupo em Angola, Dr. Luis Sampaio, e a responsável da comunicação da MCA Vias em Angola, Dra. Gilda Domingos.
Esta é uma iniciativa de responsabilidade social que resulta de uma parceria com o CIM (Centro de Inovação Médica) que, durante esta crise, tem vindo a prestar serviços de esclarecimento às entidades da saúde, através da linha CIM Responde. Estará disponível para, junto do Instituto Nacional de Saúde de Angola, partilhar a experiência em Portugal.
Em função das suas necessidades, o governo angolano irá utilizar este equipamento médico, que será fundamental para a deteção de casos de COVID-19.
O MCA Group está a contribuir financeiramente para atingir um total superior a 4 mil colheitas, entre Portugal e Angola.
Estes são apenas os primeiros passos deste projeto, que na segunda fase irá apoiar mais entidades de saúde, que continuam a sentir dificuldades logísticas de acesso a material médico, imprescindível para cumprirem a sua missão de prevenção e contenção do coronavírus.